“Dorohedoro” será publicado pela editora Panini

Na tarde desta sexta-feira, dia 28 de maio, a editora Panini anunciou em suas redes sociais, “Dorohedoro”. A obra teve uma adaptação em anime exibida na Temporada de Inverno (Janeiro) do ano passado, estando disponível pela Netflix no Brasil. O mangá virá em papel Offwhite 66, com capa cartonada fosca, em edições que variam de 166 a 192 páginas e pelo preço de R$ 29,90. A periodicidade é mensal, com o primeiro volume previsto para agosto.

“Dorohedoro” foi escrito e ilustrado por Q Hayashida. Foi lançado entre 2000 e 2014, na revista Monthly Ikki. Em 2015, foi transferido para a revista Hibana, sendo publicado até 2017. Por fim, ele passou para a revista Monthly Shonen Sunday, na qual a obra foi finalizada com 23 volumes em 2018. Todas essas revistas pertencem a editora Shogakukan.

Sinopse: “Em uma cidade tão sombria que é conhecida apenas como “o buraco”, um clã de feiticeiros tem tirado pessoas das ruas para usar como cobaias em atrozes “experimentos” nas artes negras. Em um beco escuro, Nikaido encontrou Caiman, um homem com cabeça de réptil e um caso grave de amnésia. Para desfazer o feitiço, eles estão caçando e matando os Feiticeiros no Buraco, esperando que eventualmente eles matem o certo. Mas quando En, o feiticeiro-chefe, fica sabendo que um homem-lagarto massacrou seu povo, ele envia uma equipe de “limpadores” para o buraco, iniciando uma guerra entre dois mundos.”

Um comentário em ““Dorohedoro” será publicado pela editora Panini

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s