Back Arrow #1 – Primeiras impressões

“Back Arrow” é o mais novo anime do diretor de “Code Geass” e do roteirista de “Gurren Lagann”. Por causa disso, se tinha um certo hype em volta da obra.

Sinopse:Lingalind é uma terra cercada por um muro. A parede cobre, protege, cultiva e nutre esta terra. O muro é deus… é o fundamento desta terra de Ringarindo.

Um dia, um homem misterioso chamado Back Arrow aparece na vila de Essha, nos arredores de Ringarindo. Arrow perdeu suas memórias, mas diz que tudo o que sabe é: “Eu vim do outro lado da muralha”. Para restaurar suas memórias, Arrow sai do outro lado do muro, mas está envolvido em uma batalha consigo mesmo.”

Esse primeiro episódio pode ter sido bem decepcionante para algumas pessoas por causa dos nomes que estavam envolvidos na produção. No meu caso, eu não assisti  “Code Geass”, mas vi os outros animes que ele dirigiu e nem um deles foi lá grande coisas. Então não tinha muito motivos para ter grandes expectativas e sair decepcionado.

O anime em si nesse primeiro episódio foi frenético. Coisa acontecendo do início ao fim e sem muito tempo para o espectador respirar. Eu não sei dizer se isso é bom ou ruim, mas pelo menos deu para ter uma visão inicial do mundo bem ampla e aparentemente Lingalind é um lugar bem interessante. É meio medieval e meio tecnológico. A República de Rekka é inspirado na estética chinesa e o Vilarejo Edger é basicamente uma vila de cowboys. Essa mistureba toda dá algo bem legal. Sem falar na muralha, que provavelmente vai ser um dos mistérios chave no decorrer do anime.

A interação dos personagens me lembrou um pouco aqueles grupinhos de anime infantil tipo “Beyblade”. Estão todos aí. O protagonista energético, o garoto atrapalhado, a garota delicada. Foi bem legal ver a interação entre eles. Todos são personagens bem energéticos e legais (gostei especialmente do Shuu Bi)

A produção foi bem mediana, nada que se destaque. A animação tá bem normal. O cg até que não é ruim, mas já vi melhores. Eu detestei a abertura e o encerramento. São extremamente sem graça. Tem um monte de quadros estáticos. Se pelo menos a música fosse legal, mas nem isso tem. Não assisti todas as aberturas da temporada, mas acho difícil ter uma tão sem graça quanto essa.

“Back Arrow” foi uma estreia realmente bem mais ou menos. Eu não saberia dizer se vale ou não a pena continuar. Pelo menos tem potencial para ser algo divertido. Se curtir o primeiro episódio, é só continuar.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s