Munou na Nana (Talentless Nana) #1 – Primeiras impressões

O twist no final do episódio funcionou MUITO bem. Resta saber se continuará fazendo jus a esse começo para lá de interessante.

Olá pessoas! A postagem de “Munou na Nana” deu uma boa atrasada por motivos de calor. Eu não estava com ânimo algum para escrever postagem alguma, muito embora eu já tivesse meus comentários à respeito dessa estreia mais ou menos formulados na minha cabeça.

Sinopse: “Uma academia em uma ilha em águas inevitáveis. Lá, os alunos treinavam incansavelmente, para lutar contra os inimigos da humanidade. O protagonista, um estudante recém-transferido para lá, também parte com a intenção de erradicar todos os inimigos da humanidade. Uma história de suspense intelectual imprevisível da justiça e do mal.”


“Munou na Nana” é um anime que olhei e pensei “Hummm… É ruim/Vai ser ruim.”. Porém, ainda que com problemas aqui e ali na apresentação do mundo, o final do episódio conseguiu se sobressair aos problemas que apresentou. Mas antes de começar a falar sobre o que achei do começo em si, acho importante dizer que eu sabia que teria um twist no final, porque vi um amigo comentando no Twitter que apesar da obra ser ruim, o primeiro episódio de certa forma seria impactante e, posteriormente, ao assistir um guia de temporada de animes, novamente comentaram desse twist. Eu só não sabia o que iria acontecer ali. Mesmo tendo a informação, eu confesso que não esperava por aquilo. Consegui pensar em umas três hipóteses do que poderia ocorrer, principalmente quando ia se aproximando da reta final. Em resumo: não acertei nada hahaha. Vamos pelo começo do anime ^^

Eu vou começar com as reclamações e deixar a parte boa para depois. Me ‘prometeram’ que esse anime seria péssimo, teria uma estreia impactante, mas que não se sustentaria na mesma qualidade. Assim, eu criei hype nele por causa dessa ‘promessa’ de ruindade. Olhando para Manou, ele me passa mesmo essa impressão de cedo ou tarde ficará ruim. E modéstias a parte, geralmente quando eu tenho esses pressentimentos com algum anime, eu não erro. Estou esperando ele piorar nos próximos episódios. Claro que continuarei avaliando o anime como qualquer outro. Não vou ficar caçando defeito nele, porque coisas assim acontecem, de gente ir pré-disposta a odiar alguma obra por vários motivos. O que o anime acerta, eu vou comentar e elogiar. O que ele errar, eu vou estar tacando pedra. Inclusive, aproveito para dizer que PODE SER que tenhamos mais algumas postagens de “Munou na Nana” no decorrer da temporada, além da review completa da animação. Eu acho que pode acabar rendendo mais algumas postagens. Não é uma promessa, porém pode vir a acontecer.

O comecinho do episódio já dava esses indícios de que o autor não sabe inserir informações sem ser de forma óbvia/expositiva. Toda a apresentação e do que é aquela escola é o básico e simples. Não há um esforço para tentar ir te apresentando aos poucos, ou o que são aqueles alunos, explorando mais esse lado de esconder seus poderes, que por si só renderia mais de 1 ou 2 episódios, aí teríamos uma introdução decente dos personagens e do mundo. Embora que eu entenda o que o autor “precisava” fazer aqui. O fato é que ele adiantou um twist que só deveria acontecer lá para frente. Explico: ele precisou colocar todas essas cartas na mesa logo de cara, para conseguir embasar o mundo e os poderes, porque ele não teria tempo para tardar isso e conseguir manter o público interessado para só depois fazer o twist por volta do terceiro capítulo.

Eu vejo uma certa tentativa desesperada de prender os espectadores no momento em que começa. O autor me passou uma impressão de que ele não tinha cartucho para queimar durante o equivalente aos episódios 2 e 3, para só então fazer a reviravolta no roteiro. É bastante comum a maior parte do público pegar uma porrada de animes para ver e só assistir o primeiro para ver se prende ao ponto de fazer continuar. Se você tirar a parte final do episódio, o que sobra? Qualquer coisa e seria completamente passável para a maioria que está vendo.

Apesar dos pesares, o autor consegue te apresentar o basicão para quem está assistindo ao menos compreender o que está havendo e comprar a ideia. A forma que foi feita sem dúvida nenhuma não é a ideal, mas ainda consegue funcionar. O outro grande problema da estreia da animação é o drama do protagonista. Ele não chegou a ser algo mega forçado, mas acredito que isso irá variar bastante de pessoa para pessoa nesse caso. Eu consegui comprar (de alguma forma), entretanto, ele não é um drama bom. A questão dele era com sofrer bullying na sala de aula e por não ter poder (sendo que ele só escondia), ao mesmo tempo que o Nanao sabe que há pessoas que escondem e preferem não revelar por ser algo muito poderoso ou por acreditar que podem haver os tais ‘inimigos da humanidade’ infiltrados na ilha. Eu acho deveras estranho que só o protagonista tenha essa visão. Fora a questão dele com o pai que é tudo muito mal explorado, na base de flashbacks. Só mostra como o autor enxugou todo o desenvolvimento para conseguir fazer encerramento.

Agora passando para os comentários positivos, o que mais merece destaque é o twist. Eu achei fabuloso a ideia da Nana ser uma assassina enviada para matar todo mundo da ilha. Sem dúvida alguma foi algo completamente surpreendente para mim. Eu pensei, pensei e não consegui ver o anime caminhando para aquilo, apesar dos problemas do episódio. Ele te envolve e nem me toquei daquilo. Se eu não soubesse que teria essa parte, seria ainda melhor esse impacto. A cena em si é muito boa. O trabalho de escurecer o ambiente que poderia facilmente sair como algo ruim/forçado, mas a direção soube dosar bem a cena e funciona excepcionalmente. Ai nossa, 10/10. Parabéns a todos os envolvidos nisso. Tudo encaixa muito bem com ela contando como fez para fazer seu disfarce. Ela faz todo um trabalho de dedução e como são coisas que você consegue ver que é evidente. Ficou muito bom mesmo!

Eu gosto bastante da paleta de cores, tentando passar essa vibe mais alegre e convidativa, de ver a ideia errada da obra e causar mais surpresa. O anime funciona muito bem, mas para causar mais surpresa, o ideal é que você não saiba quase nada da sinopse, gênero da animação, trailers, ou qualquer coisa. Se vocês forem indicar para alguém, só digam que é sobre estudantes em uma escola especial de treinamento (?) para destruir os ‘inimigos da humanidade’. Apenas isso. Sobre a direção e a animação, o diretor aparenta saber o que está fazendo. Gosto de como ele lidou com a cena final do episódio e devemos ter momentos de ação em alguns eventos. Sobre a animação, pelo menos o primeiro episódio conseguiu se sair muito bem,. Só um outro quadro me soou meio estranho por causa dos olhos, mas creio que seja por causa do design dos personagens que tem esses olhos maiores.

O Nanao está vesgo haushaush.

Em resumo, “Munou na Nana” me parece muito aquelas obras que são ruins, mas você fica instigado para saber até onde vai. Esse mistério que prende e te deixa curioso para saber como procederá. Eu acharia fabulosa o plot twist do suposto protagonista morrer (Nanao) e passar para outro personagem (Aqui deve acabar sendo o Onodera Kyoya). Só que eu duvido que o Nanao morreu realmente. Ele pode até sumir do mapa durante boa parte da história, mas eu aposto que cedo ou tarde voltará para contar a sua versão. Isso me deixa desanimado, mas enfim, veremos como irá contar sua história a partir de agora. Acho que o anime vai se tornar um grande caso de mistério, com a Nana tentando dar fim a cada um dos alunos da escola, enquanto rola uma investigação de alunos/professores por trás. E um último aspecto que gosto é no celular da Nana aparecer uma estimativa de potenciais vítimas de cada aluno. O Nanao tinha potencial de 1 milhão. Quero muito ver os demais alunos.

Um comentário em “Munou na Nana (Talentless Nana) #1 – Primeiras impressões

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s