Yahari Ore no Seishun Love Comedy wa Machigatteiru. Kan (Oregairu) #9 – Comentários Semanais

Uma conclusão para o relacionamento da Yui.

Olá pessoas! Vamos lá para mais um post de Oregairu, episódio 9. Eu e o Alê comentamos sobre o que achamos dessa “rejeição” que a Yui sofreu e de como tudo parece tranquilo, porém ainda falta algo para realmente acabar essa história. Fiquem com a nossa conversa:

EDIT: a lista de todos os episódios comentados junto com o post da review de toda a terceira temporada aqui. Para quem quiser, temos a review da primeira temporada (link aqui), da segunda temporada (link aqui)

RUB: Alê, bora para o começo da reta final de Oregairu. Como alertei no nosso post passado, o episódio dessa semana seria mais “tranquilo”. E como é uma espécie de “Bad Ending”, estamos vendo as consequências das decisões que o Hachiman tomou nesse arco. Até o protagonista percebe que o resultado não foi algo dentro esperado, em que tanto ele quanto a Yukino vão se separar com o tempo. E ainda tem o clube ter sido fechado. Não existe justificativa para o Hachiman se intrometer na vida da nossa heroína. A distância tende a aumentar a partir de agora. A Komachi logo percebe que tem algo de errado, sempre bem atenta, e se assusta com o comportamento mais “calmo” do Hachiman. Entretanto não foi uma burrada ou algum erro que o deixou daquele jeito mais desanimado. Foram apenas decisões que chegaram naquela conclusão indesejada. Mesmo com a separação, ele obedece o pedido da Yukino com dedicação e sem hesitar. Gosto da cena que ele ainda mantém aquela essência de recluso social, tentando evitar o maior contato com as outras pessoas fora do seu círculo de amizade. Ele manda a mensagem para a Yui mesmo estando a poucos metros dela, só para não interagir com o grupo do Hayato. Também acho legal de destacar que mesmo o Hachiman ainda não tendo certeza do que quer, ELE EVITA DE QUALQUER MANEIRA UMA CONVERSA SINCERA COM A YUI. Eles estão trocando palavras e o protagonista lamentando que não pode dar um passo adiante naquela situação, porque não teria mais volta se ele avançasse além daquele ponto em que o relacionamento dos dois estão. Praticamente ele está evitando de rejeitar a Yui. E ela sabe que já perdeu, tanto que devolve a pergunta do Hachiman sobre o que quer de uma forma evasiva. “Eu quero que você realize seu desejo.”. No fundo a esperança dela que ele venha por vontade própria, porque numa disputa direta, a Yukino leva muita vantagem no lado emocional para o Hachiman.

ALÊ: Eu já fui para o episódio já com esse pensamento de que seria algo mais tranquilo, e possivelmente com mais tons cômicos. Mas gosto de que, mesmo o episódio sendo assim, os diálogos continuam afiados, ainda sendo algo maioritariamente descontraído. Há seus momentos de ‘tensão’ gerados por essas falas mais… Como posso dizer… Sérias ?! Fato é que mesmo que seja cômico, ainda requer muito da sua atenção, porque são os diálogos que fazem a diferença e são eles que movem essa história. A Komachi até se surpreende com o Hachiman sendo sincero e dizendo que algo deu ruim. É bom ver que pelo menos com a família ele está sendo mais aberto com o que sente/acontece. Passando para a cena da Yui conversando com o Hachiman, eu gosto muito dela, principalmente quando tem o paralelo com os pensamentos do Hikki, que ele pensa como seria bom se pudessem manter uma conversa como aquela para sempre, e de como tudo seria mais fácil com eles fingindo que nada está acontecendo, fugindo o máximo possível da questão principal. E ele tem consciência de que fingir que nada está acontecendo, é como se ele estivesse se apunhalando, já que foi ele que disse que queria uma relação sincera. Então podem tardar (como já estão fazendo), mas não fugir mais. Quanto à Yui, notei que ela sabe que lá no fundo, já está derrotada nessa disputa. Vejo outros indícios disso na conversa além da fala – “Eu quero que você realize seu desejo.”, como ela dizer que é egoísta (lembrando que ela quer TUDO) e que irá pedir somente as coisas mais fáceis, que provavelmente são as coisas que vão fazer o Hikki ficar mais um tempo ao seu lado, como foi os eventos posteriores dele indo na casa dela e passando mais um tempinho próximo. Algo que me deixou surpreso foi a Yumiko se preocupar com a Yui, intimando o Hachiman a dar um ponto final nas coisas. Essa provavelmente foi cena mais legal que vi ela fazendo durante todo o anime.

RUB: Para tu ver que o roteiro de Oregairu gosta de trabalhar essa parada de ponto de vistas diferentes e de como vemos as pessoas que nos relacionamos. Só puxar lá no segundo episódio da primeira temporada, em que o Hachiman CRAVA COM TODA CERTEZA que a Yumiko só gosta de atenção e usa os outros como uma espécie de escada social para sua fama. Ele ver todos a volta da guria, muito semelhante a um culto, porém ele tem toda certeza que aquele círculo de amizade é apenas conveniência para a sobrevivência dos envolvidos ali. Até temos um pouco desse lado da Yumiko lá no arco da Ebina, em que ela se preocupa com a sua amiga. Agora, novamente, ela tem muito medo que a Yui saia ferida daquela situação. Tanto que a Yumiko vai e fala diretamente para o Hachiman todo o receio com tudo a sua volta, coisa que ela abomina profundamente se dirigir a palavra para o protagonista. Então para ela ter esse tipo de atitude em engolir o orgulho e confrontar ele, significa que ela valoriza muito a Yui por temer o bem-estar de sua amiga. Mais uma vez o roteiro evidenciando que todos temos sentimentos, mesmo aparentando o contrário. Só que eu quero falar é de outra parada que aconteceu logo após essa cena, que foi o encontro do Hachiman e da Yukino. O relacionamento deles agora virou um incomodo para ambos. Nenhum dos dois sabe lidar com a situação, principalmente a Yukino que é evidente que quer a maior distância possível dele, até tendo a oportunidade de não se dirigir a palavra para ele a qualquer custo. Adorei a Iroha ter mandado: “Meus queridos, eu não sou interprete para servir de porta-voz dos dois.”. É engraçado, no entanto evidencia uma parada que comentei acima. Os dois não querem machucar a Yui e ficam nessa de evitar em ter uma simples conversa depois do que aconteceu no episódio passado.

ALÊ: Sim! Lá no arco com a Ebina, a Yumiko puxa o Hachiman para conversar e alerta ele sobre como a Ebina não gosta de falar de si. Ela chega a contar um pouco de como a Ebina é e como costuma agir em encontros, tentando interceder antes que acontecesse algo ruim e a sua amiga saísse machucada dali. Durante a conversa do quarteto, que não podemos dizer que foi uma conversa entre eles, já que toda ela, um empurrava a fala para o outro, em momento algum a Yukino tentou contato com o Hachiman, sempre desviando olhar para Yui ou para Iroha, ou ainda para algum canto. E olha que isso é o “papel” do Hachiman. Ele que tem essa vergonha de falar olhando para os olhos de alguém. A Iroha ainda tenta empurrar algumas falas para a Yukino para ver se ela reage, mas acaba não dando certo. Ela até tenta sugere que o Hachiman ajude na preparação do evento, já que elas estão atoladas de afazeres, mas logo a Yukino corta o assunto, colocando alguma desculpa para que o Hachiman não vá ajudar, que só de ter ela e ele conversando, deixa a Yui desconfortável/incomoda. Ela quer se afastar o máximo possível para tornar estranho esse contato entre os dois. É um comportamento normal quando você se afasta de alguém, por algum motivo mal resolvido. Passando para o “encontro” na casa da Yui, é uma sequência bem divertida novamente, com vários momentos cômicos movidos pela Sra Gahama com a Yui constrangida. Mesmo assim, ainda tem diálogos muito interessantes, como a Gahama falando da estação que virá e dos consequentes frutos que darão, fazendo referência ao final letra da música da OP. Gostei muito disso.

RUB: E a Sra. Gahama gosta de tacar lenha na fogueira também. Ela vai rodeando de todas as formas o Hachiman para ver se estimula o coitado a ir para “cima” de sua filha. A cena toda é cômica e um fanservice para o pessoal que adorou a mãe da Yui na sua pequena aparição na temporada passada. Ri demais que o Hachiman a todo momento se sentia pressionado e desconfortável, porque as duas estavam cheias de segundas intenções para cima dele e o coitado ficava sem jeito. A Sra. Gahama até tenta dar comida na boca dele no melhor estilo mãezona, só que o Hachiman logo percebe a reação da Yui ao seu lado e rejeita logo de cara. Todo esse segmento é muito engraçado, mas para quem é fã da Yui, temos a última “pá de terra” para tampar o caixão de uma possível relação dos dois. Durante a conversa deles voltando para casa, o Hachiman dá COMO IMPOSSÍVEL algo além da situação que eles estão agora. Logo, pelo menos nesse aspecto, na cabeça do Hachiman a rejeição por parte dele é concreta e não tem mais volta. Mesmo ele tendo dúvidas do que ele quer, o Hachiman sabe o que ele NÃO QUER como desejo que é começar um relacionamento com a Yui. Bem, era meio que obvio a favorita, porém ter o Hachiman verbalizando todo esse sentimento, deixa um caminho já traçado para o final que ele gostaria que fosse. Agora precisamos esperar que o Hachiman também tenha consciência do que ele mais quer no momento. Em seguida, temos todo a parte da formatura da Meguri-senpai, dela se empolgando no discurso, da Haruno adorando a fuga do “roteiro” da formatura e a mãe com cara de azeda, Hachiman chorando como um bebê… tudo muito hilário e até nostálgico por causa desse tom de despedida que a escola está tendo e que o anime também está chegando no seu final. O que eu adorei foi que a Iroha e a Yui foram tirar satisfação com o Hachiman por ter se emocionado demais com a cerimônia, em um momento muito cômico também.

ALÊ: Você falando agora, só consegui pensar no meme “Só tenho 4 anos” hahahaha. Foi uma sequência muito divertida, com o final dela dando um ponto final nas esperanças de quem torcia pelos dois. Demorou, mas não tinha muito mais para onde correr. Ou era agora e terminar logo com aquilo, ou manter naquela “mesmice”, fugindo do desejo do próprio de construir algo verdadeiro. Gosto dele ter essa noção de que pelo menos uma relação amorosa com Yui é o que ele não quer. Agora só resta ele entender como se sente e o que quer. A cena de formatura me lembrou o final de Sakurasou. Acho muito bonito essas cerimônias. Tanto aqui como em Sakurasou, foram momentos muito lindinhos ^w^. É um sentimento meio estranho ter que deixar a escola. Passamos tanto tempo lá dentro, que quando me formei, deu uma sensação estranha (por mais que eu não aguentasse mais XD). A sequência final fechou MUITO bem o episódio com o clima bem leve, para cima… Mas acho que deve acabar aqui. Na prévia do próximo episódio, as coisas parece que vão ser pelo menos um pouco mais tensas.

RUB: Pois é, porque ainda tem o baile para acontecer. Essa festa tem que ser um sucesso, caso contrário a Yukino vai fracassar em um dos objetivos que é convencer sua mãe de que é tão capaz quanto a sua irmã mais velha em tocar os negócios da família. Vamos ver o que vai acontecer e de como o Hachiman irá reagir quanto a essa situação. Estamos perto da conclusão Alê.

ALÊ: Sim, a mãe da Yukino aparece na preview e aparentemente está “intimidando” a Yukino. Quero ver o que vai rolar. Só mais 3 episódios. Eu não sei muito bem o que esperar deles e só torço para o melhor de tudo mesmo hahaha.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s