Resumo do JBC Bits [Na Quarentena] #7

MUITAS promessas foram feitas pela editora…

Mais uma semana com JBC Bits e bom, primeiro de tudo: semana que vem será live da editora. Como prometido (e infelizmente, cumprido), à cada três Bits gravados, um seria live. A live deve ocorrer na próxima sexta-feira (21/08), às 21:15 minutos. Estou com um ‘tick’ com esses 15 minutos. Por que não às 21 horas??? Ou às 21:30???? Enfim, falando do programa #7, foram basicamente 40 minutos de perguntas & respostas e MUITAS promessas.


A editora nesse vídeo abriu a possibilidade de diversos títulos já lançados por eles, ganharem uma nova edição no futuro. Leia-se que não tivemos nenhum anúncio. A editora só comentou que pode vir a fazer uma nova edição (MAIS CARA) dessas obras. Por que? Bom… Ann… Porque eles não querem ficar reimprimindo. Para não ficar me repetindo muito, eu vou colocar a lista de títulos mencionados e coloco o que foi dito por eles se for necessário, ok?

  • All You Need is Kill: a obra já foi publicada 2 vezes no Brasil. A primeira com 2 volumes, seguindo o original japonês lançadas em dezembro/janeiro de 2014/15, e a segunda em formato BIG (2 volumes em 1 tomo), completa em volume único lançado em dezembro de 2015. Segundo a editora, os títulos já lançados pela editora há muito tempo, mesmo que seja oneshot, nem sempre vale a pena reimprimir (????). E o melhor seria fazer uma nova edição;
  • Bakuman: foi lançado entre agosto de 2011 e abril de 2013, sendo completo em 20 volumes. Segundo Marcelo Del Greco (gerente de conteúdo), relançar a obra é um grande desejo, mas não tiveram uma boa oportunidade e encontra dificuldades para achar um formato bom para o relançamento;
  • Death Note: foi lançado entre junho de 2007 e junho de 2008, completa em 12 volumes, e posteriormente relançado entre junho e dezembro de 2013, em uma edição de 6 volumes intitulada “Black Edition”. A editora foi indagada sobre os volumes esgotados da edição mais recente, o que foi respondido é que em breve a edição original de 12 volumes deve chegar em formato digital. Além disso, comentaram que a chance de se ter reposição dos volumes da Black Edition é alta (deve haver reajuste), porém, o Marcelo interveio e comentou que pode ser que saia algum Kanzenban da obra.
  • Mirai Nikki (Diário do Futuro): foi lançado entre janeiro de 2013 e janeiro de 2014, sendo completo em 12 volumes. Assim como os demais acima, este é um mangá lançado há muito tempo, então para eles seria mais interessante relançar a obra em uma nova edição.
  • NANA: atualmente parado no Japão e sem previsão de retorno, NANA foi publicado no Brasil entre julho de 2008 e maio de 2010. Os 21 volumes publicados no Japão foram lançados no Brasil. Segundo a editora, NANA está em uma situação complicada, porque a obra está em hiatus, e não há qualquer sinal de retorno ou sobre o que realmente aconteceu com a autora. Por isso é uma obra mais complexa de ser republicada, por não ter um final e nem saber se irá ou não retornar;
  • Fairy Tail: completo com 63 volumes, lançados entre outubro de 2010 e abril de 2018. Segundo eles, a editora flertou com a possibilidade de relançar a obra e mandou os leitores irem atrás do formato digital da obra – reimpressão pelo visto, bye bye. A editora ainda comentou que todos os demais spin-offs da obra ainda não lançados, estão no radar.
  • Hunter x Hunter: atualmente em hiatus com 36 volumes publicados no Japão, no Brasil começou a ser publicado em janeiro de 2008 e o volume 36 foi lançado em fevereiro de 2019. A editora comentou que fazer reimpressão dos volumes da obra é complicado e o ideal é fazer uma nova edição, mas precisam ver o rumo que a série vai tomar primeiro, antes de tomar alguma decisão;
  • Yu-Gi-Oh!; Video Girl Ai; Super Onze: segundo a fala da editora, cada um desses títulos está em uma situação distinta. Eles comentaram que tem planos de pelo menos trazer a versão digital de cada um deles. O “Super Onze” foi até comentado sobre a possibilidade de ter uma edição em formato tanko, mas nada confirmado realmente. “Yu-Gi-Oh!” foi publicado no Brasil entre julho de 2006 e fevereiro de 2010, sendo concluído em 38 edições. “Video Gril Ai” é originalmente completo em 15 volumes, mas no Brasil a obra foi publicada em formato meio-tanko (1 tomo japonês vira 2), e foi concluído em 30 volumes, sendo publicado entre junho de 2001 e dezembro de 2003. Já “Super Onze” é completo em 10 volumes no Japão e no Brasil foi completo em 34 volumes, lançados entre outubro de 2013 e abril de 2015;
  • Yu Yu Hakusho: a editora comentou que nas atuais condições de mercado, seria melhor pensar em uma edição nova para a obra, ao invés de fazer um reimpressão da edição mais recente. A obra foi publicada duas vezes no Brasil. A primeira completa em 38 volumes, publicados entre novembro de 2002 e novembro 2004. Enquanto que a segunda publicação seguiu os volumes originais da série, completa em 19 volumes lançados entre outubro de 2014 e abril de 2016.

Edens Zero:

Já dito anteriormente que a editora não parou de trabalhar com a obra. Os capítulos semanais continuam normalmente, e como já foi explicado, a editora está retomando tudo aos poucos (esse “aos poucos” está muito rápido para o meu gosto -_-). Então os volumes encadernados entram nessa fila de títulos à serem retomados. A editora achou mais interessante voltar seus lançamentos com um título novo, porque ele pode ser projetado para o momento atual da pandemia. Segundo Del Greco, a editora deve informar dentro em breve quando será o retorno do mangá ^^. “Edens Zero” está em andamento no Japão com 11 volumes. No Brasil, 5 volumes foram publicados até o momento.


Erased:

Assim como “Death Note Black Edition”, Erased está nos planos de reimpressão da editora. A obra foi concluída no ano passado e atualmente se encontra com o volume 1 esgotado. Não previsão para esta reimpressão (entrou na fila, junto com muitas outras obras), porém, segundo o que foi comentado pelo Marcelo, talvez não seja só o volume que precisa/venha a ser reimpresso.


Freezing:

Os volumes 32 e 33 da obra já estão prontos. A editora comentou que antes da pandemia, o plano era retomar a obra ainda no começo desse ano, mas como sabemos, esses planos foram para o ralo com a chegada da COVID-19 ao país. Na fala deles, a editora ainda está vendo em como encaixar esses volumes no cronograma. Eles esperam que até o final desse ano e o começo de 2021, esses volumes sejam lançados.


“Fullmetal Alchemist” e “Magi: O Labirinto da Magia”:

Em vídeos passados, a editora comentou que iria reimprimir os volumes finais de Fullmetal. Essas reimpressões começaram à partir de setembro com o volume 23 e em breve a editora deve dar as previsões para os volumes seguintes. Para “Magi” a editora não tem previsão de reimpressão para os últimos volumes, mas eles estudam essa possibilidade. Segundo o Marcelo, a editora precisa ver a demanda por esses volumes finais, então eles aguardam um retorno dos parceiros lojistas e do público para concluir esse estudo e ver se é possível viabilizar a reimpressão.


Platinium End:

Os volumes 11 e 12 estão prontos também, assim como os demais títulos comentados até aqui. A obra está na tal fila dita pela editora. Foi comentado que o volume 13 ainda não saiu no Japão e que eles só lançaram esse tomo, depois que o 14 também já tiver sido lançado por lá. A editora lembrou que desde o final de 2018, eles só publicam seus mangás em blocos de 2 à 4 volumes.


Opinião:

Eu não ia opinar sobre nada nessa postagem, nem sobre o fato da JBC ou estar empurrando o público para ir consumir formato digital, ou até fazer ‘promessas’ sobre relançar títulos a torto e a direito – que é ruim. Mas enquanto eu via o vídeo, é notável que ele poderia ser compactado e reduzido a apenas 5 minutos, no MÁXIMO 10 minutos!!! Como vocês viram, eles comentaram diversos títulos que podem vir a ganhar uma nova edição e foi gasto mais ou menos uns 3-4 minutos comentando cada título. Não seria mais proveitoso pegar todas essas perguntas que são iguais, juntar em uma lista e comentar tudo de forma rápida????? Aja paciência para ficar 40 minutos vendo a MESMA coisa!!! E as demais perguntas feitas, são semelhantes também. Nada de novo foi dito realmente. Essas informações já haviam sido passadas em outros vídeos. Sabe, eu fico com aquela sensação de estar jogando meu tempo fora. Eu concordo que essas informações precisam ser ditas e passadas sempree é dever da editora, mas POR FAVOR, sintetizem isso!

Eu comentei sobre isso no Twitter quando o Mais de Oito Mil levantou a questão de que fora um grupo pequeno de pessoas, ninguém se interessa por vídeos de 30 minutos, 1 hora. E como eu comentei, eu sou mais lento de escrever e gasto muito tempo resumindo lives e vídeos de editoras. Dependendo do tamanho do vídeo são mais de 2 horas sentado e escrevendo… Aí chega nesse Bits e não tem nenhuma novidade. Quando vamos divulgar a postagem no Twitter, nem um RT a editora dá, e PIOR, nem uma simples curtida é dada (ajuda um pouquinho a divulgar). Eu acho meio desrespeitoso com quem gasta tempo fazendo essas postagens, já que fazemos o marketing que a editora não faz. Hoje é segunda-feira, dia 17 de agosto e fazem 10 dias que a JBC anunciou “Ping Pong” e NÃO TEM UMA POSTAGEM NO SITE DELES FALANDO DO ANÚNCIO!!! É o mínimo que se tem que fazer!!!!

Passando para outro assunto, e ainda comentando sobre as ‘promessas’, a editora comentou de muitos títulos nesse vídeo e vale lembrar que no JBC Bits #5, a editora ainda comentou que pode vir a relançar “Fullmetal Alchemist”, “Soul Eater” e “Shaman King”. O que me fez pensar é: suponhamos que a editora relance alguns desses mangás e complete os lançamentos dessa nova edição desses títulos. Passado um tempo (alguns anos), a editora já não vai querer reimprimir os volumes. Então eles vão querer relançar de novo?! Ficaremos andando em círculos enquanto cada vez mais teremos edições mais e mais caras, elitizando mais os mangás? Esse é o plano?

Na semana que vem vamos ter mais uma live com a editora, mais uma live que provavelmente eles vão se repetir mais uma vez, quase certo que teremos o Marcelo fazendo piada sem graça ou de teor duvidoso, uma conversa chata, que não flui porque sendo bem sincero, nem o Edi nem o Marcelo tem carisma. Eles não são bons para tornar o vídeo/live mais interessante de ser assistido. Não estou nem um pouco animado para essa live. Eu só torço para que tenha no máximo 60 minutos… É isso. Se quiserem nos acompanhar no Twitter, só seguir o @LDesintoxicados :).

4 comentários em “Resumo do JBC Bits [Na Quarentena] #7

  1. Eu realmente não engoli isso de “seria mais fácil relançar”.Eu acompanho bastante nosso mercado nacional,mas não entendo muitas questões internas (até porque nem são explicadas),então posso falar merda,mas eu não engoli. Nana,Diário do Futuro,eu entendo,porque são antigos,se bobear nem licença a editora tem mais,além de que é em brite,que segundo eles anda sumindo do mercado desde antes da pandemia… MAS E O BIG DE ALL YOU NEED IS KILL QUE É OFFSET?Ele está caro,mas não escaço,Yuyu Hakusho a mesma coisa. Estamos em pandemia,que ferrou o mercado,mas e antes e depois dela???E por que eles usam de desculpa que o preço de capa ia estar mais alto que o inicial,tá,mas e Nanatsu que começou a 12,90 e reimprimiram até ficar 17,90???E My Hero que começou nos 14,90 e deve ficar 22,90??? Entendo que os títulos devem ser o que mais vendem da editora,são muito famosos,os compradores diminuem um pouco,mas,não me desce. Por que em 2019 eles reimprimiram Yuyu a 6 reais a mais então??? Eu não engulo muitas coisas que eles andam fazendo e falando ultimamente… e é verdade,gente,que ódio,DAVA PRA TER RESUMIDO ESSES 50 MINUTOS EM BEM MENOS TEMPO,que desnecessário. Eu não tenho gostado muito da JBC querer nos fazer ir pro digital…. E ah,eu realmente amo esse blog com todas as minhas forças,parabéns pelo ótimo trabalho ^-^

    Curtido por 2 pessoas

    1. Para mim, eles não tem dinheiro para fazer reimpressão. Porque pensa, reimpressões custam mais caro por ser uma tiragem menor do que a primeira, e eles aparentam precisar de dinheiro mais urgentemente, porque as tiragens das reimpressões esgotam muito rápido, eles não tem um planejamento que mantenha esses volumes mais tempo no mercado…

      Off-set é um papel que você encontra facilmente no mercado, a própria NewPOP disse isso, não tem desculpa. Sobre o preço, é algo que sobe, como você disse, eles fizeram reimpressões de mangás em andamento e reajustaram o preço, não tem lógica isso!!!

      E obrigado pelo carinho ^w^

      Curtido por 1 pessoa

  2. Video Girl Ai devia ter sido relançado há ANOS! Algumas pessoas que venham a ler esse comentário podem não saber, mas foi um dos 4 primeiros mangás que a editora lançou (junto com Sakura Card Captor, Guerreiras Mágicas de Rayearth e Samurai X) e é o único que não ganhou uma nova edição. Sem falar na cacetada de mangás antigos que a JBC parece preferir a morte a relançar (xxxHOLIC, Tsubasa Resevior Chronicle, Angelic Layer, Kobato e X-1999, só pra ficar no grupo CLAMP e que me atreveria a comprar feliz.). Aí ficam prometendo relançamento de All You Need is Kill e Death Note que só deviam ganhar reimpressão.
    E Nana ainda tem MUITO hype porque Ai Yazawa é maravilhosa (e a JBC é extremamente burra por não trazer mais nada dela, nem relançarem Paradise Kiss que também tem alta procura por muita gente não ter conseguido a edição da Conrad), mas me pergunto se ainda tem gente interessada em Mirai Nikki. Alguém ainda lembra disso pra além do meme da menina yandere doida?

    Curtido por 1 pessoa

    1. Eu vejo MUITA gente pedindo e sonhando com uma nova edição de Video Girl Ai. Tem mangás que a editora parece fazer vista grossa, ou fingir que não publicou ¬¬

      A JBC tem uma chance MUITO boa com “Paradise Kiss”, da para fazer um marketing do caramba usando o nome da autora, fora as muitas pessoas que querem uma nova edição do mangá. Diversos países aproveitarem a comemoração de 25 anos da obra (salvo engano, são 25 anos).

      A JBC parece ter ido só na onde de meia dúzia, não deve ter qualquer estudo para ver se há público para esses títulos. Cada dia mais a JBC parece dar mais passos no escuro.

      Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s