Principais tópicos da live da NewPOP (31/03/2020)

Live teve problemas com áudio (me deixou surdo XP), novidades e um anúncio maravilhoso, diga-se de passagem.

A editora NewPOP realizou uma live ontem, 31 de março, para contar algumas das novidades da editora. Na live, além de problemas com o áudio, tivemos previsões para o retorno de séries, previsões para o começo de outras, foi falado um pouco sobre como será daqui para frente na editora e muito mais. Não viu a live? Perdeu alguma coisa? Quer relembrar algum assunto comentado? Então vamos lá :).


Antes de começar com as previsões e falar de séries em específico. O Júnior (diretor/dono da editora) começou a live falando um pouco de como está a situação atual. A NewPOP, no começo do ano, tinha preparado um cronograma que deveria ser seguido. Todavia, por causa da COVID-19, esse planejamento foi para o ralo. Ele comentou que a editora só está conseguindo ver um ou dois meses à frente. O Júnior também comentou que alguns lojistas estão fechados, logo, os pedidos feitos na editora também caem, consequentemente. Falou da necessidade de comprar com essas lojas para que elas possam sobreviver no futuro, e também pediu para todos comprarem os produtos da NewPOP nesses tempos pois, segundo ele, algumas empresas podem ficar meses, até anos, sem vender e que aguentam ficar de pé (cof Panini cof), o que não é o caso da NewPOP. Por fim, a editora vai priorizar neste momento a publicação de séries que façam mais caixa (séries lucrativas) de forma mais rápida, por exemplo, obras como “Happiness”, “Re: Zero” e outras.


Checklist de Março:

Logo após essa introdução inicial, o Júnior comentou sobre o checklist do mês. Todos os volumes previstos para o mês (e um volume do mês passado) já chegaram na editora. O que estava previsto para este mês era:

  • Re: Zero volume 12;
  • Happiness volume 8;
  • No Café Kichijouji volume 2;
  • Blood Honey volume único (reimpressão/nova edição*).

*A editora comentou que o mangá é uma reimpressão, mas que fizeram algumas modificações na estrutura da edição, por isso ele é chamado de nova edição.

A NewPOP também comentou que o volume 2 de “Devilman” (volume final) também já chegou. Prometeram que em breve será lançado um vídeo mostrando o volume para o público, semelhante ao que fizeram no lançamento do volume 1.


“Happiness” e “Shakugan no Shana”:

A NewPOP voltou a dizer que “Happiness” tem periodicidade mensal a partir do volume 8. A editora já havia dito sobre isso na Carta do Editor de fevereiro (leia sobre aqui). Na ocasião, ela havia dito que após o retorno da série, seria mensal sua publicação. Então, se tudo seguir como o planejado, o nono volume será publicado em abril e o décimo e último volume será lançado em maio. Assim, a editora abre espaço para a publicação de mais uma série :).

“Shakugan no Shana”, a editora dará prioridade para o lançamento do mangá, para que ele termine logo e abra espaço para outra série. O mangá têm dez volumes. Desses dez volumes, quatro já foram publicados (o último foi lançado em novembro de 2019). Após a conclusão do mangá, a editora focará na novel. Ainda disseram que voltará a publicar a série com uma periodicidade maior. A light novel é completa em 26 volumes, desses 26, apenas três foram lançados até o presente momento (o último volume lançado foi em dezembro de 2019).

Volumes 5 e 10 do mangá.

“Re: Zero” e “Toradora”:

Para os fãs de “Re: Zero”, infelizmente vocês terão que esperar! A editora está trabalhando nos próximos volumes da obra, mas não há previsão para o lançamento do volume 13. Porém, a editora ressaltou que o volume deve ser lançado antes da estréia da segunda temporada do anime, que deve ocorrer em julho. O Júnior comentou que o Corona está atrapalhando as aprovações e os envios de materiais. Em uma oportunidade passada, o Júnior comentou em seu Twitter que há editoras enviando e-mails apenas uma vez por semana. Em outro tweet, ele comentou que um pacote que havia chegado no Brasil para a NewPOP, foi enviado de volta para o Japão. Então tenham paciência! Por outro lado, a editora está pensando em agilizar a publicação dos volumes da novel, pois segundo ela, a série vende muito bem.

“Toradora”, por outro lado, já tem seu retorno marcado. A editora comentou que o volume 7 deve ser lançado agora em abril. E não só isso, a obra deve voltar com periodicidade mensal, sendo assim, a obra deve finalizar em julho! Ainda foi comentado que a editora já está trabalhando nos volumes finais dela, então e a publicação deve seguir sem muitos percalços, isto é, se o Corona permitir.


“No Game No Life” e “Made In Abyss”:

Sendo simples e rápido: a editora já publicou tudo disponível de “No Game No Life” (sem contar com o artbook da obra). A editora já publicou os 10 volumes da novel lançados no Japão, os dois volumes da adaptação em mangá, os quatro volumes de “NGNL Desu” e a novel spin-off da obra, o “Pratical War Game”. A editora comentou que há uma projeção de que o volume 11 seja lançado em breve nas terras nipônicas.

Quanto a “Made In Abyss”, a editora publicou sete dos oito volumes publicados (o sétimo volume foi lançado em fevereiro). O oitavo volume, porém, ainda deve demorar para ver a luz do dia. A editora comentou que estão no aguardo dos materiais do volume, para só então, começar a trabalhar nele. Isso ainda deve demorar um pouco.


“Citrus” e “GTO”:

Ambas as obras estão no aguardo de materiais. Tanto materiais em mídia física, como em formato digital. Mas segundo a editora, a tradução dos volumes de “GTO” está bem adiantada. A editora seguirá o plano de publicar os volumes da obra em blocos de 6 volumes com periodicidade mensal. Após, a obra entra em hiato para a preparação de mais volumes, seguindo assim até o final.

Com “Citrus”, a editora espera receber os materiais daqui uns 10 dias. A editora quer aprovar boa parte do material da série para voltar com a publicação de forma mensal e a obra acabará logo, dando espaço para outras. Já foram publicados cinco dos dez volumes com o último lançado em dezembro de 2019.


“Log Horizon” e “NO. 6”:

A light novel de “Log Horizon” deve voltar no segundo semestre. Segundo a editora, o retorno deve ocorrer antes da terceira temporada do anime começar (ela está prevista para começar em outubro).

E temos boas notícias para os fãs de “NO. 6”! A editora NewPOP disse que está fazendo a tradução dos volumes restantes da novel (restam quatro para serem publicados). Não há uma previsão certa, mas já é algum indício. A melhor notícia para a obra é que a editora disse que irá reimprimir os volumes 1 e 5 do mangá, esses atualmente se encontram esgotados. Não há previsão certa para essa reimpressão, pois eles estão priorizando séries que vendam mais rápido. Estou muito feliz, já que vou poder dar continuidade com a série ^^.

Aproveitando que estamos falando de reimpressão, a editora disse que conseguiu fazer reimpressão de diversos volumes, de séries diversas, mas eles não conseguem fazer reimpressões de tudo de uma vez. Então pedem um pouco de paciência :).


Selo PRIME e Selo MAX:

O Júnior comentou que a segunda obra que irá compor o Selo PRIME (selo destinado a obras clássicas), “Cutie Honey”, não está indo tão bem quanto o esperado. O Júnior comentou do grande sucesso que foi “Devilman” (a obra teve até o volume 1 reimpresso), mas que “Cutie Honey” não está no mesmo caminho. O Júnior comenta que entende que o provável motivo de estar acontecendo é a crise, mas ele pede para que tentem comprar ou mesmo que não dê agora, que divulguem para amigos, familiares para tentar ajudar a obra. Por fim, o Júnior confirmou que pós-lançamento de “Cutie Honey”, o próximo título do selo será “Patrulha Estelar Yamato”. E pensem que o sucesso das obras do selo é igual a mais títulos sendo anunciados para compor o grupo :).

O Selo MAX, selo destinado para obras que juntam dois volumes em um único volume, irá ser inaugurado por “Gagoze” (originalmente completa em 5 volumes) e “Category; Freaks” (originalmente completo em 4 volumes). Anteriormente, também na Carta do Editor de fevereiro, a editora já havia dito essa questão. Seguindo o formato, ambas as obras devem ser concluídas em 2 volumes apenas.


“Houseki no Kuni” e “The King of Fighters”:

Tanto “Houseki no Kuni”, como “The King of Fighters” devem chegar ainda nesse semestre! Segundo a NewPOP, a produção de “Houseki” está bem adiantada, inclusive, adiantaram qual será o nome da edição nacional: “Terra das Gemas” e que as capas da nossa edição terão efeito holográfico, igual ao original japonês. E novamente eles reforçaram a ideia de finalizar e publicar logo séries mais curtas para dar mais espaço para novas séries, e diminuir aquela fila de títulos que a editora tem anunciados (são mais de dez títulos anunciados). Eu não tenho problema algum com títulos traduzidos, eu adoro quando traduzem, mas eu tenho um probleminha nesse daqui. Esse “Gemas” não caiu muito bem, na minha opinião. Se usassem “Joias” seria muito melhor. “Terra das Gemas” está em andamento com 10 volumes no Japão.

Sobre “The King of Fighters”, quase nada foi dito, além de que o mangá chega ainda nesse semestre. O Júnior panfletou o mangá de forma muito empolgada, falando das cenas de batalha e da obra em si. Vale dizer que ele está em andamento no Japão com 4 volumes, e o quinto volume está previsto para ser lançado por lá dia 9 de abril.


“Zero no Tsukaima” e “Lodoss War”:

Segundo a editora, o mangá de “Zero no Tsukaima” deve começar a ser publicado antes da light novel. Segundo a mesma, a adaptação em mangá deve começar a ser publicada pós-término de “Toradora”. Assim, o começo da publicação já parece bem próximo. A adaptação em mangá é concluída em apenas 7 volumes e a light novel é completa em 22 volumes.

“Lodoss War”, ou como será chamado no Brasil, “Crônicas da Guerra de Lodoss”, provavelmente será mensal. A intenção da editora é publicar a obra de maneira rápida. Vale lembrar que a obra será publicada em um formato semelhante ao de “Log Horizon”, pois a editora pretende alcançar um público fora da bolha otaku.


NewPOP Club:

A tentava de um clube com benefícios não parece ter dado muito certo. O Júnior disse que vai tentar pensar em outras formas para fazer dar certo. Mas ele comentou que todo o dinheiro arrecadado foi convertido em reimpressões, ele agradeceu quem apoiou a ideia :).


Anúncio de “Given”:

Antes de falar do anúncio em si, eu tenho dois recadinhos. O primeiro é que o Júnior disse que na situação atual, NÃO irá dar para anunciar diversos títulos. A ideia antes do Corona chegar aqui, era anunciar diversos títulos no NewPOP Day. Porém, na situação de agora, fazer isso não seria sensato. A NewPop preferiu segurar os anúncios e ir fazendo eles aos poucos. O segundo recado, é uma coisa simples, mas já dá para ficar atento e até sonhar um pouco, a NewPOP disse que no meio das novidades, há títulos de outros países, porém, não foi dito de qual ou quais países são essas obras.

Voltando ao foco, o grande anúncio da live foi o mangá BL “Given” (mais informações da obra aqui). Segundo a editora, o título foi bastante pedido e claro, contamos com uma ajuda de dentro da editora, a Ana (que cuida das finanças da editora). Ela insistiu muito para o Júnior adquirir a obra e finalmente teremos esta maravilha no país. Lançamento está previsto para maio.

Mas, como nem tudo são flores, enquanto MUITOS comemoraram o anúncio, vi outros com preconceito com a obra simplesmente por ser BL. Nem se dão o trabalho de dar uma chance para o mangá, ou até mesmo assistir o anime para ver se gostam, porque é uma história muito bonita e bem feita. Mas isso não chega a ser uma surpresa. Ainda há preconceito, mas não somos nós que perdemos hahaha. O que me deixa com raiva nessa história, é que tinha gente comentando e perguntando por que a NewPOP trouxe “Given” ao invés de mangá/novel x ou y. A NewPOP não deixou de trazer x, para trazer Given. A NewPOP trouxe Given e ponto. Se ela não anunciou “Konosuba” (ainda, sei lá), por exemplo, não foi por causa de Given. Enquanto temos as reclamações deles, nós apenas comemoramos o anúncio!!!

Fizemos um post mostrando como vai a publicação de Given pelo mundo e você pode ler o post aqui ^^.

Ainda sobre o anúncio, eu vou deixar dois tweets abaixo, para vocês pensarem um pouco a respeito da vinda do mangá para o Brasil :).


Próximos lançementos da editora:

Entre erros e acertos, até foi uma boa live. Tivemos um EXCELENTE anúncio e, tirando o áudio que quase me deixou surdo enquanto assistia a live, foi bem tranquilo de assistir. Entre as três lives que assisti recentemente das editoras de mangá, essa sem dúvida alguma foi a melhor, a PIOR foi a da Panini, logo atrás a da JBC.

Posteriormente, o Júnior fez uma live pelo YouTube (MUITO melhor que no Facebook) respondendo perguntas. Pelo que nosso redator @rubnesio tweetou, não foi dito nada de novo. Então é isto pessoas. A live no Youtube vocês podem ver pelo link abaixo:

Também fizemos um último post nada informativo (apenas humor ácido XD) sobre as lives da NewPOP e da Panini.

9 comentários em “Principais tópicos da live da NewPOP (31/03/2020)

  1. Legal a live então, pelo postado tirando os aspectos negativos da editora e das obras, estamos mais no positivo que negativo.
    Triste que Cutie Honey não está tendo procura no mesmo nível que Devilman, mas certamente é porque não tem uma referência nova, como ocorreu com o primeiro. Mas vamos ver como fica até o lançamento.
    Contente pelo retorno da Novel de Number Six, acho que vou comprar ela pra dar uma força e depois comparo o quanto mudou em relação ao mangá.
    Sobre Given, os mangás Yaoi da Newpop num plano mais geral são bons, tem poucos títulos que não valem a pena e esse tem mais volumes, acho que dá pra ter uma finalização melhor. Chuto que deve ser finalizado no Japão com uns 10 volumes, mais ou menos.
    Enfim, obrigado por terem postado!

    Curtido por 1 pessoa

  2. Povo chato esse que reclamou de Given. Se fosse assim era pra todo mundo estar reclamando. Nem NP e nem JBC anunciaram Sangatsu no Lion e nem por isso eu estou ameaçando tacar fogo nas sedes das editoras (até pq eu moro no Ceará, haha).

    E sobre Given, só o que eu tenho a dizer é que as pessoas realmente deveriam dar uma chance. A história não é só o BL em si: tem música, toca em temas extremamente delicados de uma forma inteligente e ainda tem o Kedama lindo e maravilhoso (que todo mundo sabe que no lá no fundo é o verdadeiro dono do mangá, haha).

    Curtido por 2 pessoas

  3. Uma pena não poder comprar shakugan no Shana, já que a editora está querendo esquecer dela, eu ía comprar só que depois dessa notícia….

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s